Colombo

Histórico

No final do século XIX, as terras das sesmarias do Palmital, Capivari e Timbu e os quarteirões do Ribeirão das Onças, dos Veados e do Butiatumirim, localizados nos arredores de Curitiba, serviram para a instalação de imigrantes estrangeiros. Nesse contexto, foi o quarteirão do Butiatumirim que primeiro recebeu aqueles que seriam os responsáveis pela construção do Município de Colombo.
Esse marcante acontecimento se deu no mês de setembro de 1878, quando as terras do Butiatumirim deram lugar a Colônia Alfredo Chaves, ao receber um grupo de imigrantes vindos do Norte da Itália, região de Veneto, composto por 162 colonos: 48 homens, 42 mulheres, 42 meninos e 30 meninas. Estas primeiras famílias chegaram a Paranaguá em 1877, chefiadas pelo Pe. Angelo Cavalli, e se estabeleceram em Morretes, na Colônia Nova Itália. Porém, em 1878, abandonaram o litoral e subiram a Serra do Mar, em direção a Curitiba, onde formaram a Colônia Alfredo Chaves.
Na década de 1880 foram criadas mais 4 colônias, todas compostas por imigrantes italianos: a Colônia Antonio Prado – 1886; a Colônia Presidente Faria – 1886; a Colônia Maria José – 1887 (atualmente município de Quatro Barras); e finalmente a Colônia Eufrazio Correia – 1888 (atualmente Bairro do Capivari). Porém, a Colônia Alfredo Chaves se destacou e logo assumiu o papel de Vila.
Em 5 de fevereiro de 1890 foi instalado o Município de Colombo, nome escolhido como homenagem ao descobridor das Américas – o italiano Cristóvão Colombo.

Hino

Ouça versão do Hino de Colombo, cantada pelo Gruppo Luce dell’Anima.

Há um sol que fecunda esta terra
Amplo altar de trabalho, oração
E há outra luz a aquecer nossa alma
Que alegra o olhar, a voz e o coração

Essa é a herança que os antepassados
Lá da Itália, pátria da canção
A nós legaram, brasileiros de hoje
Que idolatramos este rincão.

Colombo, berço querido, teu futuro soberbo será
És a capital da uva, no Estado do Paraná
As videiras tão ricas, tão puras
Que este solo abençoado produz
Tem a essência do símbolo santo
Do sangue vivo de Jesus

Há nas grutas de Bacaetava
A assombrosa expressão do Senhor
Que doou maravilha tão rara
À paisagem de paz e de amor

Pelos vales o milho e o tomate
Sobre os montes alveja o calcário
Eis Colombo a crescer sob as bênçãos
De Nossa Senhora do Rosário

Bandeira e Brasão

Dados Gerais

População atual: 224.404 habitantes (2007)

Área total do Município: 198.700 km², sendo 128.300km² área rural e 70.400 km² área urbana.

Limites Territoriais:
Norte: Rio Branco do Sul
Nordeste: Bocaiúva do Sul
Sul: Pinhais
Sudeste: Quatro Barras
Sudoeste: Curitiba, capital do estado
Oeste: Almirante Tamandaré
Leste: Campina Grande do Sul.

Distância da sede do município à Capital: 23 km

Composição da atual Administração

Prefeita: Izabete Cristina Pavin
Vice Prefeito: Sérgio Roberto Pinheiro
Chefe de Gabinete: Vera Lúcia P. Barbosa
Procuradoria: Eliane Clara Tosin
Controladoria: Edson Luiz Strapasson
Secretaria de Administração: José Mauri Henemann
Secretaria de Planejamento: Marcio Strapasson
Secretaria de Governo: Luiz Gilberto Pavin
Secretaria da Fazenda: Alessandra da Silva
Secretaria de Saúde: Darci Martins Braga
Secretaria de Educação: Aziolê Cavallari Pavin
Secretaria de Esporte, Cultura, Lazer e Juventude: Marcio Strapasson (interino)
Secretaria de Comunicação Social: Waldirlei Bueno de Oliveira
Secretaria de Desenvolvimento e Habitação: Tânia Mara Tosin
Secretaria de Assistência Social: Maria da Silva Souza
Secretaria de Obras e Viação: Agnaldo Santos
Secretaria de Indústria, Comércio e Turismo: Antonio Ricardo Milgioransa
Secretaria de Agricultura e Abastecimento: Marcio Roberto Toniolo
Secretaria de Meio Ambiente: Evandro Luiz Busato
Secretaria de Tecnologia da Informação: Maurício Oliveira

Principais atividades econômicas

Indústrias de cal, atividades moveleiras e mecânicas, hortifrutigranjeiros e prestação de serviços.

Feriados municipais

  • 05 de fevereiro: data da emancipação do Município
  • 26 de maio: Nossa Senhora do Caravaggio (facultativo)
  • 07 de outubro: Padroeira Municipal Nossa Senhora do Rosário
  • 08 de dezembro – Nossa Senhora da Imaculada Conceição (Facultativo)

Principais pontos turísticos:

  • Parque Municipal Gruta do Bacaetava
  • Igreja Matriz Nossa Senhora do Rosário
  • Casa da Memória da Venerável Irmã Antonieta Farani
  • Igreja São Pedro – Nossa Senhora de Caravaggio
  • Morro da Cruz
  • Casa da Cultura
  • Museu Cristoforo Colombo
  • Casa Eugênio Mottin – Memorial da Imigração Italiana
  • Memorial Ítalo-Polonês – Famílias Perin e Puka
  • Parque Municipal da Uva

O Circuito Italiano de Turismo Rural foi implantado em 05 de fevereiro de 1999 pela Secretaria Municipal de Agricultura, Abastecimento e Meio Ambiente, com o objetivo de preservar o meio ambiente, gerar empregos e renda e, principalmente, evitar o êxodo rural. São mais de 50 pontos turísticos que oferecem aos visitantes a oportunidade de conhecer lugares históricos e contemplar as belezas naturais e a herança deixada pelos imigrantes italianos, a qual está presente nos costumes, na religiosidade, nas comidas típicas, na arquitetura e no folclore.